Skatistas brasileiros entram na reta final da busca pela vaga olímpica nos EUA

Começa nesta quarta-feira o Dew Tour de Skate, na cidade de Des Moines, em Iowa, nos Estados Unidos. O torneio, que vai até domingo, marca o retorno das competições nas categorias street e park após longa paralisação em função da pandemia do novo coronavírus. Valendo pontos para a corrida olímpica – a última da park e a penúltima da street -, a disputa conta com a participação de 38 brasileiros, dentre eles nomes importantes como Pedro Barros, Pâmela Rosa, Letícia Bufoni, Dora Varella, Rayssa Leal, Kelvin Hoefler e Murilo Peres, todos buscando pontuações para estarem em Tóquio.

O grupo, inclusive, aproveitou a estadia nos Estados Unidos para receber as vacinas de Covid-19, no último sábado. Após o Dew Tour, os atletas de street voltarão suas atenções para o Mundial de Roma, evento derradeiro da corrida olímpica neste estilo. Já os skatistas do park, terão apenas o torneio em Des Moines para somar os últimos pontos na classificação rumo à Tóquio.

– O Dew Tour marca o retorno das competições. É uma etapa valendo pontos para a classificação e darei meu máximo para orgulhar nosso Brasil – comentou Pâmela, que lidera o ranking de street com seguida de perto por Rayssa Leal e Letícia Bufoni.

Letícia, por sua vez, está confiante em buscar uma das vagas nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ao fazer um balanço da carreira, a atleta contou que não acreditava que o skate pudesse viver um momento tão importante.

– Quando eu comecei a andar de skate, nunca imaginei que seria skatista profissional. Nunca imaginei que eu iria competir. Então, hoje em dia, saber que virou um esporte olímpico é surreal, uma coisa que eu nunca imaginei. E ter chance de ir para as Olimpíadas representar o meu país é um sonho de qualquer atleta profissional – destacou a skatista.

Entre os homens da categoria street, o brasileiro Kelvin Hoefler briga pelo top 5 do ranking, que tem o americano Nyjah Houston disparado na liderança. Já no skate park, Dora Varella, Isadora Pacheco e Yndiara Asp são as melhores brasileiras, todas ocupando o top20. No masculino, Pedro Barros, Pedro Quintas, Matheus Hiroshi e Murilo Peres brigam por vaga em Tóquio.

A preparação para o Dew Tour foi realizada na Califórnia. Nos últimos dias, todos os skatistas do street fizeram a simulação que consistia em três voltas de 45 segundos, mais cinco manobras, como ocorre normalmente nos campeonatos.

Já os atletas de park, como o já classificado para os Jogos Olímpicos, Luiz Francisco aproveitaram a estadia na Califórnia para treinar manobras. Luizinho é o único skatista brasileiro com vaga garantida em Tóquio.

De acordo com as regras estabelecidas pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), classificam-se para Tóquio os 20 melhores do ranking mundial em cada estilo com limite de três atletas por país.

Fonte: GE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: